O Caminho Para Despertar A SER DIVINA

Aconselhamento

Hoje me coloco como fonte de restabelecer através da escrita o chamado para o reconhecimento do legado pertencente naturalmente ao feminino e para as grandes mulheres, que é você que está lendo este artigo.

A mulher mãe, a mulher terapeuta, a mulher moça, a mulher avó, a mulher solteira, a mulher menina.

O momento nos conduz para um reencontro de nossa essência.

O chamado do despertar para uma consciência do resgate milenar.

 

Reconhecer nossa capacidade de criação. Ter na consciência que o mundo se movimenta através do útero feminino, do gestar, do amamentar.

Mas principalmente de um legado bem desconectado ainda que é a capacidade de SER DIVINA. SER – ESTAR – DIVINA – PRESENTE – SÁBIA.

Grandes movimentos chama-nos para estarmos em círculos louvando, orando, mantrando, criando, cuidar de si, cuidar do corpo, amar a si, entender a si e regastar a si mesma.

A Terra é a maior força feminina, geradora de alimento, de espaço para habitarmos. É a mãe Gaya.

As mulheres tornaram-se nos 2 últimos milênios feridas em sua essência.

Com a necessidade do patriarcal manter o poder. Mas um poder que pertence ao seio feminino que tem a capacidade de nutrir. De dá direção e caminhos.

Há quase 6 décadas que as mulheres se revoltaram e exigiram igualdade. Igualdade esta que ocorreu mesmo.

Mulheres machistas se intitulando feminista.

Trazendo o desequilíbrio na sua própria natureza estendendo aos seus descendentes.

E visível grandes desequilíbrios na natureza, na sexualidade devido esta perda de identidade que a mulheres tiveram neste dois mil anos.

Há um ressurgimento da energia feminina em nosso mundo em como as mulheres estão recuperando seu poder interior e estão infundindo no domínio machista com espírito sem limites e amor incondicional, para criar equilíbrio e um estado de unidade.

Faça parte deste movimento emocionante como um farol que brilha radiante da alma para o universo.

Ao buscarmos a nossa própria verdade pessoal, estamos chegando até a essência de quem somos para cumprir nosso propósito neste universo glorioso.

Ao ir para esse lugar de autenticidade, todas as nossas ações, comportamentos e pensamentos são um reflexo dessa luz Divina dentro de que estamos sendo chamados a trazer para o mundo.

Mas como é que vamos chegar a este lugar sagrado?

Convido você a fazer-se as seguintes perguntas:

O que significa para você ser uma mulher?

Você sente que a sua feminilidade foi definido pelos princípios masculinos da nossa sociedade?

O que significa para você a encontrar o seu lugar no santuário interno do sagrado feminino, em que há equilíbrio entre as energias masculinas e femininas?

Se estas perguntas inspirarem você, é o sinal em si de que o agora chama através das conjunções astrológicas que não poderia ser diferente trazer a força para resgatar o equilíbrio de consciência feminina.

Você se sente totalmente digna como uma mulher?

O que significa para você ser uma mulher?

É uma pergunta que eu mesma encontrei dificuldade de responder quando eu as direcionei a mim.

O questionário ajuda a provocar um diálogo interno para descobrir quem você é e quem você quer ser.

A razão que eu encontrei neste desafio de responder à essas questões, bem como os outros foi porque eu realmente não tinha pensado sobre quem eu era como uma mulher.

Eu realmente não sabia do meu valor integral como uma mulher.

Mas, através de minha própria jornada para o equilíbrio interior, eu comecei a ter clareza sobre o que realmente significa para mim ser uma mulher e que eu realmente tenho a oferecer.

A CONFIANÇA, a espontaneidade, a verdade, a pureza a oportunidade de resgatar a base essencial de ser mulher, por meio de habilidades próprias do universo feminino.

Procurar está em grupo e ou em círculos proporciona melhorar a percepção de si mesma, compreender preconceitos facilita a lidar melhor com eles, entender o feminino em uma visão abrangente e sistêmica, alcançar melhores relacionamentos interpessoais.

Quando nos dispomos a trabalhar o resgate da autoconfiança, segurança, amor próprio, autoestima de cada um, estaremos também trabalhando o todo, pois pessoas mais confiantes são mais abertas, cooperativas, dispostas a integrar-se aos grupos aos quais pertencem, sejam eles familiares, associativos ou organizacionais.

Pessoas seguras em seu ambiente de trabalho tornam-se mais capazes de realizar suas tarefas, individual ou coletivamente, tornando a empresa mais dinâmica, pois comunicam-se melhor, expressam com mais facilidade suas ideias e tornam-se mais capazes de produzir resultados inovadores, permitindo que fluam seus talentos em favor das situações apresentadas.

Estar fazendo uso das ferramentas e métodos que auxilie ao encontro de respostas que o próprio processo vai lhe conduzir.

É preciso ousar agir diferente...

Investir em si, num grupo para que todos reaja como um todo...

Modificar a forma de PENSAR A VIDA para que possamos ter mais qualidade no viver...

Desenvolver a segurança no AGORA para criar um Mundo melhor.

Educar, criar os filhos, sentir com o coração o dia-dia.

Reverenciar a força interna pelas manhãs.

Agradecer o dia pelas as noites.

Reverenciar o útero.

Reverenciar a mãe Terra.

É uma das oportunidades de reverenciar a si mesma.

Amar com liberdade, sem posse e sem comando masculinos e sim por amorosidade.

Aceitar quem você é.

Aceitar o compromisso de existir.

Confiar, Acreditar, Ser e Estar.

Ser livre, ser luz, ser o Eu SOU SER DIVINA.

Deixo aqui minhas palavras para você mulher SER DIVINA.

 

Celi Coutinho

Celi Coutinho - Terapeuta Holística - CRT 21270 é autora de vários livros e atua com Terapia Samkya.

www.celicoutinho.com.br

 

Destaques da Edição