Física Quântica E Terapia Holística

Marketing

Quântico - Modelo: Rilda - Arte Digital: Henrique Vieira Filho A Física Quântica é a teoria que descreve o comportamento da matéria na escala do "muito pequeno", ou seja, é a física dos componentes da matéria; átomos, moléculas e núcleos, que por sua vez são compostos pelas partículas elementares e que atribui propriedades ondulatórias para partículas individuais. Ou seja, não possui nenhuma relação com Terapia Holística...

O que alguns autores fazem é estabelecer um PARALELO, uma metáfora, comparando fenômenos estudados pela física quântica, com algumas situações que ocorrem na Terapia Holística, tal qual o fez o autor Fritjof Capra, no livro “O Ponto de Mutação”, onde compara teorias milenares com as "novas descobertas" da Física.

Assim sendo, associar Florais, Reiki, Radiestesia, etc, etc,  com Física Quântica é tão somente uma estratégia, questionável por sinal, de marketing, já que são áreas totalmente distintas. Não existe terapia "quântica" em si; é tão somente uma metáfora aplicada em propagandas de ética controversa, que propõem que a melhoria do Cliente ocorre "de pronto", como um "salto", à semelhança de uma partícula que "pula" de uma órbita para outra em um átomo.

Da mesma forma, não existe equipamento terapêutico "quântico" por si só, tratando-se muito mais de uma estratégia de marketing, do que algo que tenha derivado da física quântica, a qual, por sinal, jamais dedicou um minuto que seja a estudar os fenômenos que ocorrem em nossa profissão.


Alguns colegas chegam a usar o termo “quântico”, assim como certos fabricantes de equipamentos populares aplicam “plus”, “X”, “extra”, ou seja, terminologias que se propõem à função de adjetivos indicativos de superioridade, sem que, necessariamente, isso seja verdade.

Por exemplos: alguém quer propagandear que seu Reiki é “melhor que o dos outros”, então, ele diz que é “Reiki Quântico”. Meu floral funciona melhor que o seu, por quê ?... Porque são “Florais Quânticos” ! Minha Acupuntura é bem mais eficiente que a sua, porque é “Acupuntura Quântica”... E por aí vai...

Ingenuidade de quem usa tais estratégias ? Ou é simplesmente uma “apelação” na divulgação ? Atentem que a NTSV - TH 001 - Norma Técnica Setorial Voluntária da Terapia Holística, que trata de nosso Código de Ética, dentre outros tópicos, zela pela correção do teor de nossas publicidades. Em caso de dúvida, basta consultar ao SINTE - SINDICATO DOS TERAPEUTAS.

Para maiores informações sobre o quanto os cientistas desprezam a inadequada correlação que fazem entre a nossa área e a deles, leia a reportagem "O Samba Do Físico Doido" - Clique aqui e leia as 8 páginas da reportagem da Revista Galileu ( http://revistagalileu.globo.com/Galileu/0,6993,ECT705226-1719,00.html ).


Tive a oportunidade de participar da matéria acima referida. Ainda me lembro de como os entrevistadores estavam apreensivos, prontos a defender com unhas e dentes o distanciamento da Ciência em relação às nossas questões, quando se surpreenderam com o fato de que concordamos com eles: há muito abuso nestas tentativas equivocadas de atribuir cientificismo às nossas técnicas. Simplesmente nossos trabalhos não são passíveis de repetição em condições laboratoriais, ou seja, não há como enquadrar dentro da atual metodologia científica.

E isso não é demérito algum. Quando os repórteres entenderam que abordamos nosso trabalho muito mais como ARTE, do que Ciência, ficaram à vontade e chegaram até mesmo a solicitar indicações de profissionais para si !


Sobre este tema, recomendo a re-leitura da matéria: Terapia Holística: Ciência ou Arte ?

Claro que existe inúmeras ANALOGIAS que podemos tecer entre certas teorias científicas e as técnicas exercidas na Terapia Holística. O problema só ocorre quando alguns colegas levam “ao pé-de-letra”, emprestando teses de OUTRAS áreas, como a da Física, e alegando que são “provas” da eficácia de nossas técnicas. Simplesmente, “esquecem” que a Ciência oficial ignora a existência de nossa área do saber. Uma coisa é utilizar de licença poética e aplicar uma METÁFORA ao dizer que um Cliente teve um “salto quântico” na sua saúde... Outra coisa MUITO diferente é sair emprestando a física quântica como explicação para o resultado obtido.


Tais estratagemas tão somente geram antipatias por quem realmente entende do tema, além de afastar eventuais Clientelas que sejam mais bem informadas. Pois, quer encarem como ingenuidade, quer encarem como tentativa de enganar o consumidor, nenhuma das duas hipóteses atua a favor do profissional e, a médio e longo prazo, se revelará uma péssima estratégia de marketing. Se a Clientela padrão que nos procura estivesse preocupada em consumir somente aquilo que a Ciência dita, ficaria apenas com os seus médicos de confiança. Uma vez que nos procurou, significa que está aberto para paradigmas que extrapolam os limites do cientificismo e beiram a transcendência.


Ou seja, não precisamos “emprestar” da Ciência “oficial” nenhuma de suas conquistas. A Terapia Holística, ainda que com outros nomes, existe há milhares de anos e a EFICÁCIA de nossas técnicas é a melhor divulgação que precisamos, pois a “comprovação” que realmente vale, é a SATISFAÇÃO de nossos Clientes !


Henrique Vieira Filho - Terapeuta Holístico - CRT 21001 Henrique Vieira Filho - Terapeuta Holístico - CRT 21001, é autor de diversos livros da profissão, dentre estes, a obra MARKETING Para Consultórios de Terapia Holística: Estratégias Essenciais para Conquistar, Manter e Encantar sua Clientela.

Destaques da Edição